domingo, 23 de maio de 2010

am(é)m

eu me exagero
me exaspero
eu me espero
sem me alcançar
pois é tão falha
essa coisa toda
de só esperar
sem também lutar
e não sou fraca
me faço forte
não ando em círculos
sei onde é o norte
e aqui em mim
não há a vontade
de machucar-lhe
e reabrir cortes

não
não é força daqui pra fora
é força que no meu peito mora
não tem vergonha de se mostrar
e não se importa nem de chorar

porque sou forte
e não me reduzo
meu sentimento
ao todo uso
pois também a lágrima
me trouxe cura
e não há choro
que me resuma

não há medo algum que me cale
grade alguma que me pare
pois o que eu sou?
hoje eu sou fé.

e enquanto amar
amar sem medidas
serei mais que fé
e sim
f(é)licidade

am(é)m

(que seja atendida a prece)

mariana andrade*






15 comentários:

emannu disse...

e será.

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Amém!

Hosana Lemos disse...

'pois também a lágrima
me trouxe cura'

que lindo isso.

tá cada vez melhor, de verdade!
*-*

- maria elis disse...

acho que preciso chorar, chorar pra curar algumas feridas fechadas .-.

que assim seja.!

beijas mari :*

Gislaine Fernandes disse...

Nossa Ma que lindo...
tenho vivido em círculos, em indas e vindas...
um dia a gente se resolve...isso é amor...
beijos

Carla Sampaio disse...

Voltarei sempre...

"Quando o barco vai
sem ter a vela em pé
o coração distraí
e segue a maré."

*Carla Sampaio

Amanda Arrais disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amanda Arrais disse...

Não costumo gostar tanto de poesias ou poemas, mas achei aqui fascinante. Lindo mesmo!

Voltarei sempre.


'pois também a lágrima
me trouxe cura'

Erica Vittorazzi disse...

Amém.


beijos

cássia vicentin disse...

eu tava com saudade das suas escritas.
amém,!

Thalita Souza disse...

Fé é a certeza das coisas que se esperam e a prova das coisas que não se vêem.

Tays Esquivel disse...

amém, mesmo.


bonita, vim te descobrir hoje por esse mundo de escritores que falam por mim. você me encantou de imediato. obrigada pelas palavras bonitas.

um beijo.

H. Steiner' disse...

ok, que lindo!
é.

Erica Ferro disse...

Amém!

Tua poesia é tão bela, mas tão bela, que eu fico toda emocionada aqui.

Matheus N. disse...

axé!