domingo, 6 de dezembro de 2009

Adeus - parte 2 (passageiros)


Os dias passam
como passa
dia e noite
noite e dia
E passam horas
passam histórias
passo a roupa
e passa o tempo.
Passam passos bem pesados
tênis, saltos, pés descalços
e eu aqui
passando frio.
cabeça cheia
olhos vazios.
vendo passar
grandes cidades
vendo passar
grandes verdades
e, ainda assim,
sem me mexer.
pensando em tudo o que passou
e no que não vai mais voltar.
ou até vai.
mas que demora!

não sei se posso esperar.

mariana andrade*

25 comentários:

Marcelo Mayer disse...

nao espere, pq sua vida sera constrangedora. bela enumeração

Fernanda disse...

que lindo Mariana o melhor poema teu na minha opinião,e olha que todos são lindos mas esse tá mais que lindo.

Fernanda disse...

Que bom que o meme serviu pra algo,sei como é..sabe que as vezes fico procurando uns blogs,que digam qualquer coisa engraçada ou sei lá..só pra discontrair e esquecer um pouquinho da vida...

Mariah disse...

nossa, seus poemas são tão lindos! fazem tanto sentido... gostei do jogo com as palavras!

Priscila Rôde disse...

Me vi, agora!
No fundo eu sei,
não posso esperar.

disse...

Não espera passar, passa junto.
Me lembrou uma música ''O passageiro'' do Capital Inicial.
Nem tem muito a ver, mas lembrei.


Amei as rimas, o ritmo.
É música \o/

Márcia Amaral disse...

passou né mari? :/ até o ano que vem

Iara disse...

quem sabe esperar seja o melhor da coisa? a vontade, as ideias que manipulam a mente enquanto esperamos... quem sabe todo o gostoso seja isso? simplesmente, sonhar e desejar enquanto espera!

Beijo

Alan Félix disse...

Tanta coisa que passa pela janela, que nem conseguimos vê exatamente o que era, talvez tivesse uma flor pequena clamando por uma apreciação.

Daniela Filipini disse...

Incrivel! Me encantei pelo modo que escreves! Lindo! Parabéns =)

Paloma Brezolin disse...

Não deixe tudo passar pela janela de seu quarto . Saia e vá viver , pois tudo nesas vida passa e nisso pode ser subto . Eu acho triste para mim , quando encontro-me vendo o tempo passr , contando as horas deitada em meu quarto , sem vontades , sem querer . gostei do blog , e do poema , vou seguir beeeejs

Erica Vittorazzi disse...

O tempo passa tão rápido que assusta... só demora nestes casos, quando queremos esquecer...


Lindo demais!!

D i c a disse...

Que pessoa linda que você é.
Como eu adoro vim aqui te ler, sempre.
Seria eu uma fã? rs

wcastanheira disse...

Lindo poema, bela postagem, palavras q nos fazem meditar, viajar e delirar, viva a poesia, salva aos poetas e poetizas, bjos, bjos, bjosss

carla l. disse...

Esperar faz tudo demorar mais ainda. Melhor deixar que venha naturalmente.

Wevertton disse...

Ol,a achei seu blo, gostei e estou seguindo! Passa la quando puder! Beijo

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

ricas são as suas rimas, sensíveis e agradáveis. São como músicas para meus ouvidos imundos.

Bê Matos disse...

Um passatempo, pra passar o tempo. :)

Escreve, marizinha!
HIHI :*

› dani.avila ♥ disse...

estamos na mesma fase telepata.
mais vamos seguir nossos corações, e assim continuar, até tudo passar.

beijos mari

Erica Ferro disse...

Eu fico chorando, me lamentando porque tá passando e não tem mais volta, mas não me mexo. E isso, essa falta de mobilidade, é detestável em mim.

Ah, mas ficou lindo isso que escreveste.
Você é linda. *-*
Sim, é.
Seus escritos revelam a sua beleza, aquela da alma.
E fica tudo lindo.

E, eeeei, eu espero que o que você esteja "abandonando", ou querendo abandonar, mesmo que temporariamente, seja o blog. Porque, sério, como vou passar os dias sem ler seus textos tão lindos?
Me diga, se puder.

Ok, tô quase te chaantageando, heuheuhe.
Chantagem emocional barata.

Um beijo, amiga Mariana.

Camila disse...

fexe os olhos e imagine que sua espera terminou :)
se sentira melhor.
sonhe, agradeça.

bejos

cássia disse...

lindo,como sempre

Clara disse...

Ah se fosse eu... Ia ficar enjoada! (Sempre enjoo em viagens).

Mas, achei lindo e me identifiquei no sentido que eu quiz interpretar: Tudo passa mesmo. E Às vezes bate uma aflição doida pra que certas coisas passem logo...

baah disse...

poema lindo.,blog lindo.passa no meu acabei de fazer:)

evelyn andrade disse...

ééégua, é o meu trem! ou era o carona parte 1, 2... 3... égua, diz que leste...? sentiria-me honrada. parece muuuito.